Depois de três anos de queda no desmatamento da Amazônia, os indicadores voltaram a apontar o aumento da devastação. Será que iremos permitir que se destrua a fantástica e gigantesca floresta para a expansão do gado?!

O desenvolvimento sustentável da Amazônia passa pelo investimento intensivo em ciência, e não em pecuária. O fantasma da internacionalização não se materializará numa invasão territorial, mas em tomada paulatina da biodiversidade da floresta. (mais…)